Padre Fábio de Melo faz primeira tatuagem e fala sobre preconceito -->

Iklan Semua Halaman

Padre Fábio de Melo faz primeira tatuagem e fala sobre preconceito

Valtenei Santos
6 de agosto de 2020
O padre Fábio de Melo surpreendeu os seguidores ao compartilhar nas redes sociais um registro da sua primeira tatuagem.

Aos 49 anos, o religioso marcou na pele uma abelha e a batizou com o nome de Ana, o mesmo de sua mãe. Na legenda do click, o padre explicou o intuito do desenho.

“Ela tem apenas 2 cm. Obra de arte criada e executada pelo meu amigo @fernandoshimizu. Dei a ela o nome de Ana, o mesmo de minha mãe. Tudo começou com uma abelha que ficava pousando em mim, durante as lives das missas dominicais. Uma minha, outra na @zizafernandes. Quem vem acompanhando já me ouviu falando sobre elas. Será meu sinal. De um tempo difícil, mas também bonito. De reclusão, de vida interior, de buscas e realizações silenciosas. O poeta tem razão: ‘Abelha fazendo mel vale o tempo que não voou'”, escreveu.

O padre recebeu diversos elogios de celebridades e anônimos e um em especial chamou atenção, no qual o seguidor falava sobre a desmargarinização da tatuagem nos meios religiosos. Fábio respondeu o seguidor e viralizou novamente na web.

“Oh, meu querido, também já estive do lado dos que marginalizam as aparências. Recordo-me que na Jornada Mundial da Juventude, na França, vi um padre todo tatuado. Abominei. Peço a Deus todo dia que nunca me permita reassumir os velhos erros”, respondeu Fábio.

Bahia.Ba