Com futebol envolvente, o Grêmio se impôs desde o início da partida, goleou o Cerro Porteño por 5x0, na noite de terça-feira (1), na Arena Grêmio, em Porto Alegre, e assumiu a liderança do Grupo A da Copa Libertadores. Após quatro rodadas da primeira fase, o time tricolor gaúcho foi a oito pontos, um a mais do que a equipe paraguaia, vice-líder da chave.

A atuação do Grêmio, com indiscutível domínio sobre o adversário, coloca o time do técnico Renato Gaúcho, atual campeão, como forte candidato ao tetracampeonato da principal competição sul-americana.

Passes rápidos trocados no meio de campo por Arthur, Everton, Ramiro e Luan envolveram o Cerro Porteño, que tentou usar a catimba para evitar as investidas gremistas. No ataque, Jael mais uma vez fez ótima partida.

A defesa sólida, com o argentino Kannemann e Pedro Geromel, ajudou o goleiro Marcelo Grohe a bater um recorde pessoal. Aos 10 minutos do segundo tempo, ele ultrapassou 803 minutos sem sofrer gol. Já são nove partidas sem ser vazado - ficou o mês de abril inteiro invicto.

A goleada começou a ser desenhada aos 27 minutos do primeiro tempo. Após tabela construída pelos meio-campistas, Jael saiu da área, recebeu de costas, girou e achou Everton. Em velocidade, colocou na frente e bateu forte para abrir o placar.

Três minutos depois, o time tricolor aumentou com o baixinho Ramiro, de 1,68 metro, de cabeça, após cruzamento preciso do lateral-esquerdo Cortez. Mas nem todos os 44 mil torcedores que estiveram na Arena Grêmio assistiram aos dois primeiros gols. Muitos chegaram atrasados por conta de obras no entorno do estádio.

Para compensar, viram uma apresentação de gala, que resultou em mais três gols e belos lances, em uma sinfonia orquestrada sob a batuta de Pedro Geromel, Arthur, Everton e Luan. Tudo diante do olhar atento de Tite, técnico da seleção brasileira que acompanhou a partida do camarote e anuncia no próximo dia 14 a lista de convocados para a Copa do Mundo da Rússia.

No início do segundo tempo, aos 3 minutos, Luan bateu escanteio curto, Pedro Geromel desviou e a bola atravessou a pequena área até encontrar Jael, que, de carrinho, mandou para as redes. Aos gritos de "olé" da torcida, o Grêmio ampliou aos 27. Luan avançou pelo meio e, em um lindo passe, deixou Everton cara a cara com o goleiro Antony Silva para fazer o quarto gol. Cícero, de cabeça, aos 37, fechou a goleada.

O próximo compromisso do Grêmio na Libertadores é contra o Monagas, na Venezuela, no próximo dia 15. Antes, pelo Campeonato Brasileiro, os gaúchos enfrentam o Santos, neste domingo, e encaram o clássico Gre-Nal contra o Internacional, no próximo dia 12. No meio disso, joga contra o Goiás, na próxima quarta-feira, pela rodada de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Tudo na Arena Grêmio.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 5 x 0 CERRO PORTEÑO

GRÊMIO - Marcelo Grohe; Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon (Cícero), Arthur, Everton e Ramiro (Alisson); Luan e Jael (Thonny Anderson). Técnico: Renato Gaúcho.

CERRO PORTEÑO - Antony Silva; Raúl Cáceres, Marcos Cáceres, Escobar e Arzamendia; Palau (Acosta), Rodrigo Rojas, Candia, Jorge Rojas (Aguilar) e Novick (Valdez); Churín. Técnico: Luis Zubeldía.

GOLS - Everton, aos 27, e Ramiro, aos 30 minutos do primeiro tempo; Jael, aos 3, Everton, aos 27, e Cícero, aos 37 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Palau e Marcos Cáceres (Cerro Porteño).

ÁRBITRO - Patricio Loustau (Fifa/Argentina).

RENDA - R$ 2.336.311,00.

PÚBLICO - 42.076 pagantes (44.673 no total).

LOCAL - Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.