O ex-prefeito de Jaguarari, Everton Rocha (PSDB), será julgado pela Câmara de Vereadores, na próxima terça-feira, dia 29 de maio. Rocha, desta vez, é acusado de entregar fora do prazo, a LOA – Lei Orçamentária Anual, e poderá perder a possibilidade de retornar ao cargo, por já está cassado no Processo de fraude de licitação. Esta é a terceira vez, que Everton sofre um processo de cassação de mandato, fora que o referido ex-gestor também foi afastado pelo Tribunal de Justiça pelo prazo de 180 dias (6 meses).

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.