FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/

Uma locutora e apresentadora de um jornal “imparcial”, muito “famoso” na região do Piemonte Norte do Itapicuru, tem chamado a atenção nos bastidores. Segundo informações, a “bancada” do “jornal” tem sido uma espécie de “jogo de palitinho” para ver quem ler determinada matéria designada pela direção da emissora e quando um lê, o outro “comenta”. Ainda de acordo com informações, a locutora disse por vezes “Só ainda suporto porque não tenho outro emprego”, essa afirmação teria sido precedida de várias reclamações, dentre elas atraso salarial (não há uma data fixa de recebimento do salário), jornada dupla de trabalho (sem direito a adicional), falta de liberdade e imposição de comentários e matérias polêmicas. Também ficamos sabendo que a locutora se sente incomodada com a situação, pois por ser “obrigada” a seguir a cartilha impositiva da direção da rádio, tem perdido clientes que passaram a rejeitá-la por conta de sua postura a frente do “jornal”.

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.