FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/

Em um áudio divulgado na rede social, a Diretora de Proteção Social Básica, Sinderlândia Duarte Lima, tenta convencer os estudantes universitários a irem para a Câmara pressionar os vereadores para aprovarem a LOA – Lei Orçamentária Anual, 2018. No arquivo de voz enviado, Sinderlândia explica que sem a aprovação, o município não terá como pagar o transporte universitário. A citada diretora, não esclareceu aos estudantes, que o prefeito Everton Rocha, publicou o Decreto um doze avos, onde ele oficializou um montante de R$ 7.500.000,00 (sete milhões e quinhentos mil reais) no QDD – Quadro de Detalhamento de Despesas e na última quarta-feira (17) a contabilidade confirmou, fato registrado em ATA, que o município tem R$ 6.000.000,00 (seis milhões de reais) para manter todos os serviços do município neste mês de janeiro, ou seja, não paga o transporte universitário se não quiser. Sinderlândia esquece, também, de informar aos seus colegas universitários, que o “RASCUNHO” de LOA apresentado pelo prefeito Everton à Câmara, foi destinado apenas R$ 10.000,00 (dez mil reais) para o auxílio ao transporte universitário para todo o ano de 2018. Então alunos universitários, a LOA do prefeito deve ser aprovada assim, com este valor para o transporte de vocês?
Por que a diretora Sinderlândia não propôs uma reunião para que os estudantes possam sentar com os vereadores a fim de sugerirem um valor compatível com as necessidades do transporte?

Ou teria a diretora interesse político estaria tentando usar os universitários para atingí-los?

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.