Polêmica no Atletiba do último final de semana abriu os olhos de outras equipes
Após polêmica no clássico entre Coritiba e Atlético-PR no último domingo (19), onde a partida não foi realizada porque os clubes estavam realizando a transmissão via internet, as cotas pagas pela TV nos estaduais espalhados pelo Brasil vieram à tona.

Bahia e Vitória recebem R$ 850 mil, enquanto times pequenos do Rio de Janeiro como Macaé e Resende recebem quase três vezes mais, cerca de R$ 2,2 milhões.

Não para por aí. Bangu, Madureira, Volta Redonda e Boavista recebem cerca de R$ 4 milhões, quase cinco vezes mais que a dupla Ba-Vi. Equipes menores do futebol paulista recebem cerca de R$ 3,5 milhões e o América-MG, que está na Série B, recebe R$ 2,8 milhões.

Veja ranking completo das cotas de TV:

– R$ 20 milhões: Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo
– R$ 15 milhões: Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco
– R$ 12 milhões: Atlético-MG e Cruzeiro
– R$ 11 milhões: Grêmio e Internacional
– R$ 5,2 milhões: Ponte Preta
– R$ 4 milhões: Bangu, Madureira, Volta Redonda e Boavista
– R$ 3,5 milhões: demais times do Paulistão
– R$ 2,8 milhões: América-MG
– R$ 2,2 milhões: Macaé e Resende
– R$ 2 milhões: Atlético-PR e Coritiba
R$ 850 mil: Bahia e Vitória

Varela Notícias

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.