Jaguarari Noticias quarta-feira, janeiro 04, 2017
Depois de ter enfrentado duas recuperações judiciais, com suspensão das atividades desde junho do ano passado, a Mineração Caraíba volta a operar, a todo vapor, no final deste mês de janeiro, na região do distrito de Pilar, município de Jaguarari. Cerca de 1.200 operários serão restabelecidos à rotina de produção de concentrado de cobre, além da recontratação de, pelo menos, outros 300 funcionários terceirizados.

A companhia, que no estado também explora minas em Curaçá e Juazeiro, foi adquirida pela empresa canadense Eros Resources Corporation. A empresa não divulgou o valor da transação, mas já anunciou que pretende investir R$ 150 milhões nas atividades na Mineração Caraíba em projetos que se estendem pelos próximos 30 anos.

As informações foram divulgadas aos empregados da companhia em assembleia de apresentação dos novos investidores, conforme informou o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Extração de Ferro, Metais Básicos e Preciosos (Sindimina).

Mesmo diante das dificuldades financeiras, a empresa não demitiu funcionários, comprometendo-se a pagar o salário regularmente. Desde outubro, entretanto, os vencimentos já não estavam mais sendo depositados situação agora já regularizada pela Eros Resources Corporation.

A Caraíba, que possui projetos de cobre na Bahia e no Pará, vinha passando por dificuldades financeiras devido ao baixo preço do cobre na bolsa de metais de Londres. A situação da companhia agravou-se depois de problemas de alagamento da mina subterrânea, em janeiro, que inviabilizou a retirada do minério de alto teor.

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.