Jaguarari Noticias quarta-feira, janeiro 18, 2017
O presidente Michel Temer não parece muito preocupado com o processo que tramita no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em relação a supostas irregularidades na sua campanha ao lado de Dilma Rousseff em 2014.

De acordo com a coluna Radar Online, da revista Veja, o atual presidente tem defendido a pessoas próximas que a Corte não deve julgar o caso em 2017. A avaliação do peemedebista é de que há uma infinidade de recursos possíveis à defesa, o que deve jogar a conclusão do caso para 2018.

O problema é que os ministros Gilmar Mendes, responsável pela pauta do tribunal, e Herman Benjamin, relator do processo de cassação, já sinalizaram que a decisão deve sair ainda neste ano.

Postar um comentário

FBbox/https://www.facebook.com/JaguarariNoticias1/
Tecnologia do Blogger.